Veja alguns micos flagrados em home office e como evitá-los

Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no twitter
Twitter

Em tempos de quarentena, as vídeo-chamadas e videoconferências viraram rotina para muitos que estão trabalhando home office.  E como a novidade pegou muita gente de surpresa, claro, que situações inusitadas ocorreram em todos os cantos do mundo.

Pois é…  o tal “mico” não poupou ninguém, em maior ou menor grau, de alguma forma, todos acabaram tendo que lidar com imprevistos.

Se por um lado as situações podem ser bem constrangedoras, por outro, acaba servindo para quebrar um pouco a tensão, típica desse momento que estamos vivendo.

E basta um simples descuido com a câmera ou microfone que… não tem jeito, vacilou, parou nas redes.

O fato é que as chamadas de vídeo estão cada vez mais populares em decorrência da pandemia da Covid-19 e se tem uma coisa que já descobrimos é que imprevistos acontecem.

Ou seja, todo cuidado é pouco, por isso, mostraremos aqui, algumas dicas para não acabarmos virando meme na internet.

Antes, porém, vamos rir um pouco, revendo algumas das gafes mais engraçadas compartilhadas nessa pandemia, com a certeza de que se esses são tempos difíceis, imagina para quem passou por esses constrangimentos!

“Peladão” em reunião com o presidente

Não tem como falar em mico sem lembrar da reunião do presidente Jair Bolsonaro, por videoconferência, com empresários para tratar de questões econômicas, em maio desse ano.

Difícil de acreditar, mas durante a reunião, promovida por Paulo Skaf, presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) em maio, um dos participantes esqueceu de desligar a câmera e apareceu tomando banho.

Felizmente, o humor ajudou a não deixar a situação mais embaraçosa ainda.

O ministro Paulo Guedes, que também acompanhava a reunião, apontou e disse:

“Tem um cara tomando banho aí, peladão. Tem um peladão aí, fazendo isolamento peladão em casa e tal, beleza. O cara foi ficando com calor com a conversa, aí foi tomar um banho frio.”

Um amigo de patas surge durante sessão do Tribunal de Contas de SP

O que poderia ser um momento constrangedor, acabou sendo “fofo”, com a “invasão” de Bravo, o cachorro da raça Dogue Alemão do conselheiro Antonio Roque Citadini, na sessão online do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) no dia 14 de julho.

Segundo Citadini, ele não conseguiu tirá-lo do sofá antes da sessão por conta do seu tamanho (lembrando que é um Dogue Alemão).

Pelada passando na live

Talvez de todas as situações constrangedoras, a que tenha ganhado maior repercussão tenha sido a live de Fabio Porchat, que foi mostrada até em jornais do exterior.

Fabio Porchat estava fazendo uma live com o político Guilherme Boulos e a esposa dele, a jornalista Nataly Mega, apareceu abaixada atrás do humorista, tentando passar discretamente, achando que não estava sendo vista, só que, na mesma hora, Boulos e Fabio viram e comentaram a situação.

Claro que o que seria um pesadelo para qualquer um, na pele de um humorista acabou virando piada e… meme.

Gases e microfone ligado

Muito comentada, também, foi a gafe do procurador de Justiça, Paulo Prado, que até pediu desculpas depois de soltar gases durante a sessão virtual do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), no começo de junho, mas isso não diminuiu o enorme constrangimento.

Ele tentou se explicar:

“Tiveram dois momentos em que me descuidei com o microfone. Se, por acaso, fui deselegante ou causei mal estar, queiram me perdoar, por favor”.

Benção com filtro de gatinho

Pois é, ninguém está livre de pagar mico nessas transmissões ao vivo… nem mesmo um Padre.

Seria trágico se não fosse cômico, mas o, na época, inexperiente, padre Luiz César, foi transmitir uma missão ao vivo, na maior boa vontade, só que não sabia da existência dos filtros…

E ao final da missa, realizada de Itajubá, Minas Gerais, na benção, os filtros foram acionados.

Porém, mostrando que o humor é coisa de Deus, o Padre, ao publicar seu vídeo, humildemente, pediu desculpas pelos efeitos e, segundo ele:

“Deus quer também um pouco de alegria”. 

Moda Home Office

Já apelidada de “moda home Office”, se vestir socialmente só da cintura para cima, um repórter televisivo se viu pego, literalmente, de calças curtas, ao adotar a tal moda durante uma transmissão ao vivo.

Pois é, Will Reeve (filho do ator Christopher Reeve) é apenas mais um, entre muitos outros que, ao adotarem o home office, acabaram se vestindo formalmente apenas da cintura para cima.

O que Will não contava, no entanto, é que durante uma participação no programa de notícias Good Morning America, da CNN norte-americana, a câmera estivesse mostrando mais do que devia.

Moda Home Office (2)

Mais um foi pego de calças curtas… e foi durante um debate esportivo no canal ESPN, em espanhol.

Na ocasião, o repórter esportivo, Ricardo Puig, deixou a câmera cair sem querer, mostrando que ele estava apenas de terno e cueca.

Nem é preciso dizer que esse vídeo viralizou…

Mas, mostrando que não adianta brigar contra os fatos, o comentarista entrou na brincadeira, e postou uma foto dos bastidores de seu home Office, fazendo piada junto com a emissora.

Chefe cabeça de batata

Outra situação que vale o registro, é de uma inusitada reunião de equipe, por videoconferência, e que um chefe mudou as configurações de seu aplicativo e, sem querer, acabou se transformando em uma batata!

O mico foi devidamente compartilhado pela norte-americana, Rachele Clegg, em seu Twitter. Nem é preciso dizer que a postagem bombou!

O mais engraçado é que o chefe não soube como voltar a imagem ao normal e ficou a reunião inteira conversando com seus funcionários assim, com a cabeça de batata.

Marido desastrado

Não é para menos que uma das regras de uma videoconferência é avisar aos demais moradores da casa sobre a mesma, justamente, para evitar situações constrangedoras.

Justamente, durante uma reunião por videoconferência, o marido de uma funcionária, que estava em reunião com os demais colegas de trabalho, apareceu no fundo do vídeo, com camisa de time e cueca, sem perceber que ela estava ao vivo.

Ela percebeu e fez um sinal para ele sair, mas já era tarde demais, ainda aparece no vídeo o homem batendo a porta e saindo.

A ela só restou o tímido e pedido desculpas aos colegas.

Descuido com o fundo

Ah… se o pandemia não vai deixar saudades, o mesmo não podemos dizer sobre esses micos todos, não é?

Quem também jamais vai esquecer desses tempos de home office é a repórter da CNN americana, Melinda Meza.

Durante uma participação ao vivo, para mostrar como cortar o cabelo em casa, fazendo a demonstração em seu próprio banheiro, não contava que seu marido estivesse tomando banho, e bem no momento de sua entrada ao vivo.

A repórter não percebeu que ele aparecia na imagem e nem ele percebeu que estava ao vivo no canal internacional.

Vereador cheira calcinha

O vereador cristão Ditinho do Asilo, de Bragança Paulista, interior de São Paulo, foi flagrado, simplesmente, cheirando uma calcinha durante sessão legislativa virtual da Câmara Municipal.

No vídeo, Ditinho aparece manuseando a peça íntima enquanto a vereadora Fabiana Alessandri fala sobre os cortes de árvores na cidade.

De acordo com o vereador, ele estava no seu gabinete durante a sessão quando recebeu um pacote, pensando ter desativado o vídeo junto com o microfone, ele foi ver o que o mesmo continha.

No vídeo, que, claro, que viralizou, o tal vereador aparece com uma calcinha vermelha na mão, depois fica examinando a peça e, acaba cheirando. Um outro vereador tenta alertar o parlamentar que, ao perceber que estava sendo filmado, afasta a câmera.

Nariz de Dodô, do grupo Pixote, escorre ao vivo no Encontro

Outro momento que deu o que falar, e até hoje é comentado nas redes sociais, foi envolvendo Dodô, cantor do grupo Pixote, durante sua participação ao vivo, no programa ‘Encontro com Fátima Bernardes’, da TV Globo.

Então, Dodô era um dos convidados da atração e foi surpreendido com fotos em que aparece ao lado de entes queridos, ao se emocionar, no entanto, seu nariz começou a escorrer bastante.

As caras da apresentadora e mais a situação extremamente constrangedora resultaram em infinitos memes.

Mais uma vez o humor foi o remédio, e o próprio Dodô entrou na brincadeira e falou sobre o assunto no Instagram.

Soneca durante o expediente

Ah, o home office… trabalhar de casa, no conforto do lar, pode resultar nisso. Mas, atenção, não tentem fazer isso em casa!

Mais uma videoconferência, mais um mico histórico, dessa vez, um simples cochilo, só que em um momento nada apropriado. Claro, que a galera não perdoa e acabou viralizando na internet.

Foi durante a 7ª sessão de julgamento realizada pela 4ª Câmara do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), mico protagonizado pelo procurador de Justiça do Ministério Público do Estado da Paraíba (MPPB), José Raimundo.

Apesar do constrangimento, os demais participantes, no entanto, não conseguiram segurar o riso.

Pobre Jennifer

E não tem como mostrar os grandes micos das videoconferências que fizeram parte da pandemia durante o trabalho em home Office sem falar no caso da Jennifer ou, como ficou conhecido: “Pobre Jennifer”.

Aconteceu durante uma teleconferência com os colegas de trabalho, quando Jennifer precisou ir ao banheiro e levou com ela o celular, com câmera e áudio ligados, provavelmente, para não perder parte da reunião virtual.

Mas… acaba se dando conta do vexame ao aparecer na tela sentada no vaso sanitário, lógico, afastou o aparelho, não sei antes ouvir um colega dizendo: “Pobre Jennifer”. E assim o mico ficou conhecido.

Manual de etiqueta

Como podemos ver até agora, as gafes não escolhem raça, credo, nem classe social, assim, depois de deputados do Distrito Federal participarem de sessões virtuais deitados em redes, no carro e, até mesmo, bebendo, a Câmara Legislativa acabou resolvendo criar um “manual de etiqueta”, pois é, na tentativa de estabelecer regras nas sessões.

Dentre outras coisas, o tal manual pede que os parlamentares utilizem vestuário apropriado para a sessão, estejam em um local adequado para melhor qualidade da transmissão e evitem participar das reuniões durante deslocamentos.

Dicas para evitar gafes nas videoconferências

Claro que ninguém quer passar por esses situações constrangedoras, por mais divertidas que possam ser, vivenciá-las não é nada bom!

Por isso, quem trabalha em home office, portanto, sabe que terá que participar de videoconferências, vale prestar atenção nessas dicas:

  • Primeiramente, aprenda a lidar com a ferramenta, embora as plataformas de videochamadas sejam muito simples de se utilizar, dessa forma evitará surpresas desagradáveis. Teste tudo antes, veja como desligar o microfone, a câmera…;
  • Avise a sua família que você estará em uma videoconferência, e, se possível, feche a porta ou a realize em um ambiente mais calmo, dessa forma, evitará ruídos e possíveis constrangimentos;
  • Verifique a conexão de internet, o aplicativo, a câmera e o microfone;
  • Seja pontual;
  • Use a roupa de acordo com o evento;
  • Posicione-se corretamente, devidamente centralizado na tela;
  • Feche o seu microfone sempre que não estiver falando, pois, se ficar aberto, todos poderão ouvir tudo o que acontece em seu ambiente.
  • Peça a palavra quando quiser falar, ou por meio do chat ou botões específicos, cada plataforma possui uma forma de você pedir a palavra sem precisar interromper as outras pessoas que estão falando.
  • Não se alimente em frente à câmera;
  • Jamais interrompa os colegas;
  • Evite distrações de todo o tipo, redes sociais, email…;
  • Se não der para se segurar e precisar ir ao banheiro, primeiro, se certifique de que sua câmera e o microfone estejam fechados.
  • Não se esqueça que você está sendo transmitido em vídeo, ou seja, tudo o que fizer poderá ser visto pelos outros, por isso, se não estiver muito seguro, pode fechar seu vídeo, que continuará na reunião;
  • Cuidado com o fundo virtual. Muitas plataformas estão oferecendo essa função, mas se não tiver intimidade com a mesma, evite usá-la;
  • Evite exibir detalhes pessoais. Em reuniões de trabalho, evite exibir fotos e preste atenção, também, nas informações que possam estar visíveis em seu plano de fundo, como recados e lembretes sigilosos que podem aparecer para outros integrantes;
  • Desative notificações ao compartilhar tela, seja pop-up de e-mails, redes sociais e apps de mensagens, já que as mesmas podem tratar de assuntos pessoais e privados.

Você quer aprender a trabalhar Home Office?

Receba os melhores conteúdos sobre Home Office GRÁTIS diretamente em seu email.

Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no twitter
Twitter
Mariano Stacieski

Mariano Stacieski

Olá, meu nome é Mariano. Fazem mais de 9 anos que trabalho em Home Office. Minha primeira experiência foi quando tinha minha imobiliária e agora com minha agência de marketing digital. Desde então vivo diariamente o Home Office, que tem me oferecido uma vida muito boa. Neste site compartilho todo meu aprendizado.

Deixe um comentário

Sobre Mim

1798079_10152603160913916_647557915_n - Copia

Olá, meu nome é Mariano. Fazem mais de 9 anos que trabalho em Home Office. Minha primeira experiência foi quando tinha minha imobiliária e agora com minha agência de marketing digital. Desde então vivo diariamente o Home Office, que tem me oferecido uma vida muito boa. Neste site compartilho todo meu aprendizado.

Últimos Posts

Conteúdo Recente

Assistente virtual: guia para começar a trabalhar

Assistente virtual: guia para começar a trabalhar Tida como a profissão do futuro, a assistente virtual já é uma realidade para muita gente. A necessidade …

Continue Lendo →

Decoração para home office: 6 dicas imperdíveis

Decoração para home office: 6 dicas imperdíveis Sem dúvida, o trabalho remoto não é mais segredo para ninguém. A ideia de trabalhar direto da própria …

Continue Lendo →

Seja home office

Dicas e truque para se tornar um home-office melhor.

Mantenha-se educado(a) e entretido(a) gratuitamente.